João Campello expõe fotografias de cinco cidades

João Campello expõe fotografias de cinco cidades

O fotógrafo João Campello abre, nesta quinta-feira, 13, em Brasília, a exposição Urbium, uma coleção de imagens de paisagens urbanas, em preto e branco, feitas ao longo de três anos. São 25 fotografias de cinco cidades: Brasília, Bruxelas, Amsterdam, Ouro Preto e Paris. Estão nas fotografias de Urbium as paisagens imensas e os céus abissais que Campello adora revelar.  Pairando sobre uma arquitetura refinada, a natureza soberana. “A primeira formação em Engenharia Civil e Transporte Urbano, além da influência de morar em uma cidade como Brasília, foram decisivas para a escolha do tema”, conta o fotógrafo. Precisamente! Brasília é a harmonia entre uma arquitetura caprichosa e um céu extraordinário. Um filho de Brasília jamais deixaria de incorporar isso à sua arte: “Sim, a composição é intencional e o céu quase sempre é um elemento constante nela, pois tem um caráter dinâmico, capaz de mudar radicalmente o objeto fotografado”, observa Campello. Cidades muito fotografadas são um desafio.  Como revelar ângulos novos, detalhes despercebidos? Mas Campello – um fotógrafo que tem como marca registrada a capacidade de revelar a beleza oculta das humanas construções – não se intimida. Talvez porque, embora queira dizer algo novo, a motivação maior para a sua fotografia seja a busca de um padrão que tenha valor estético e seja capaz de emocionar quem vê a imagem. “Essa emoção pode tanto vir pelas relações que o espectador tem com aquela paisagem ou, ainda, de elementos que ele venha a encontrar na minha fotografia”, acrescenta Campello. A coleção será lançada em vernissage no dia 13 de novembro, às 19:30, no Espaço Cultural Alexandre Innecco, que fica na comercial da 116 Norte, ao lado do Café Savana. As imagens são impressas em papel de algodão, têm dimensão de 21x30cm e podem ser compradas com ou sem moldura. Todas as fotografias estão à venda. Cada uma custa R$ 99,00 (sem moldura) ou R$ 149,00 (com moldura) Vernissage: dia 13 de novembro, às 19:30, no Espaço Cultural Alexandre Innecco (comercial da 116 Norte, ao lado do Café Savana)
Mais informações: www.fotoponto.com/urbium

Avaliação

O fotógrafo João Campello abre, nesta quinta-feira, 13, em Brasília, a exposição Urbium, uma coleção de imagens de paisagens urbanas, em preto e branco, feitas ao longo de três anos. São 25 fotografias de cinco cidades: Brasília, Bruxelas, Amsterdam, Ouro Preto e Paris.

User Rating: 4.5 ( 1 votes)
0

O fotógrafo João Campello abre, nesta quinta-feira, 13, em Brasília, a exposição Urbium, uma coleção de imagens de paisagens urbanas, em preto e branco, feitas ao longo de três anos. São 25 fotografias de cinco cidades: Brasília, Bruxelas, Amsterdam, Ouro Preto e Paris.

Estão nas fotografias de Urbium as paisagens imensas e os céus abissais que Campello adora revelar.  Pairando sobre uma arquitetura refinada, a natureza soberana. “A primeira formação em Engenharia Civil e Transporte Urbano, além da influência de morar em uma cidade como Brasília, foram decisivas para a escolha do tema”, conta o fotógrafo. Precisamente! Brasília é a harmonia entre uma arquitetura caprichosa e um céu extraordinário. Um filho de Brasília jamais deixaria de incorporar isso à sua arte: “Sim, a composição é intencional e o céu quase sempre é um elemento constante nela, pois tem um caráter dinâmico, capaz de mudar radicalmente o objeto fotografado”, observa Campello.

Cidades muito fotografadas são um desafio.  Como revelar ângulos novos, detalhes despercebidos? Mas Campello – um fotógrafo que tem como marca registrada a capacidade de revelar a beleza oculta das humanas construções – não se intimida. Talvez porque, embora queira dizer algo novo, a motivação maior para a sua fotografia seja a busca de um padrão que tenha valor estético e seja capaz de emocionar quem vê a imagem. “Essa emoção pode tanto vir pelas relações que o espectador tem com aquela paisagem ou, ainda, de elementos que ele venha a encontrar na minha fotografia”, acrescenta Campello.

A coleção será lançada em vernissage no dia 13 de novembro, às 19:30, no Espaço Cultural Alexandre Innecco, que fica na comercial da 116 Norte, ao lado do Café Savana. As imagens são impressas em papel de algodão, têm dimensão de 21x30cm e podem ser compradas com ou sem moldura.

Todas as fotografias estão à venda. Cada uma custa R$ 99,00 (sem moldura) ou R$ 149,00 (com moldura)

Vernissage: dia 13 de novembro, às 19:30, no Espaço Cultural Alexandre Innecco (comercial da 116 Norte, ao lado do Café Savana)

Mais informações: www.fotoponto.com/urbium

Share this:

Leave a Reply